O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

:: Noticias
:: Videos

:: Enquete

Qual sua opinião sobre a saúde na nossa cidade ?





:: Eventos
:: 11/07/2011
HACKED BY D3s!6n37
Veja +

"A IMPORTÂNCIA DA SANTA CASA PARA OS MUNÍCIPES DE LEME"

A Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Leme foi fundada em 18 de dezembro de 1.935, pelo senhor João Arrais Seródio, que contou com a colaboração dos senhores Ernesto Gatto, Padre Lázaro Muttschelle, José de Souza Queiróz Filho, Dr. Custódio Ângelo de Lima, Dr. Oscar Ulson...senhor Francisco Coelho...Dr. Waldir José Baccarin...senhora Ruth Baccaro Violin...senhor Carlos Rodrigues Albers e atual administração representada pelo senhor provedor Valter José Gonçalves Bueno, que verificando a falta que fazia um hospital, na época uma cidade tão pequena, não mediram esforços para fundação desta entidade, pois a mesma serviria para atender toda população de Leme.

Ontem a cidade era tão pequena, com poucos habitantes, hoje cresceu muito e conta com 100.000 (cem mil) habitantes.

Infelizmente a Saúde do Brasil está doente. São muitos os problemas, sendo o principal deles a remuneração que o SUS paga aos Hospitais.

Os investimentos em Saúde no País são poucos, segundo Organização Mundial de Saúde (OMS), divulgado em 2.010, o País gasta pouco mais de 5% do seu orçamento em Saúde.

A Santa Casa de Leme no ano de 2.012 teve uma média de 7.640 atendimentos por mês, no pronto socorro feitos pelo SUS, e uma média de 432 internações por mês pelo SUS.

Não falta médico no nosso pronto socorro, equipamento necessário para exames e diagnósticos adequados, leito para o doente que procura este Hospital. Ainda assim, isso tudo não parece suficiente para atender as angústias de um povo que ainda não sabe quão importante e fundamental é o papel que esta Santa Casa desempenha.

Já imaginamos viver sem o hospital? Devemos refletir: o quanto é maravilhoso chegar em casa e encontrar todos bem. E se precisar de um socorro médico, aonde iremos? Então feche os olhos e imagine sem o Hospital.

Mesmo com tantos esforços, algumas vezes o Hospital recebe críticas da população, que se manifesta insatisfeita com o atendimento oferecido. Porém, mesmo com as dificuldades em receber as verbas Federais e Estaduais, a Santa Casa continua trabalhando 24 horas por dia e prestando atendimentos na média e alta complexidade (UTI adulto e serviço hospitalar para tratamento - AIDS).

Independentemente dos valores da tabela SUS pagos a Santa Casa de Leme, este Hospital mantém aberta suas portas para todos, com muita dificuldade é claro, mas como em 1.935, hoje também vemos a importância da Santa Casa existir em Leme, sendo considerada uma das melhores da região, que a cada dia melhora sua estrutura e se desenvolve graças à coragem e força de vontade das pessoas que a dirigiram e dirigem, sempre em busca de recursos financeiros que possibilitam seu crescimento.


Você já se imaginou como seria a sua cidade sem um Hospital?

   
HHospital On-Line
 

 

ANS no 335762

• Powered by Daniel Pio • Todos os direitos reservados • Copyright © 2011 - 2013 •